24 setembro 2006

os regressos

De vez em quando lembro-me em flash do perdidamente a preto. Que bonito o amor que se sente pelos pequenos seres. Talvez seja esse o amor mais infimo: é-o concerteza. No estado mais puro e sentido e crescer lado a lado com esse amor como catalisador. Está uma linda noite e neste sitio amarelo pela luz fixa lá fora, sinto o bom que é aqui retornar. Quase que uma vida dupla se consegue com os sitios em que ondeamos. A internet é um bicho enorme, tira-nos o tempo da verdade: nós sozinhos. É importante pensar neste sentar e contemplar, a memória. Ir no por de-trás de cada parte e encontrar o verdadeiro pensar sobre ela. Já não chega a história do por dentro e vislumbre de tudo quanto há cá dentro, muito para além de saber o que é cá dentro e ter consciência do que se sente em relação a isso, é preciso também chegar á origem dessa coisa - o por de-trás - para então conseguir Ver nos contornos e contribuir para um total. Quando tudo nos chega rápido e desordenado, estamos por instinto. E não é bloqueio: é a vontade. Assim vamos estando, de acordo com essa vontade e esse instinto no lugar do pensar. Talvez seja a forma mais simples para não usar os subterfúgios.
Vai ser uma bonita noite.

20 Setembro.

6 Comments:

Anonymous Onda said...

O "Perdidamente"...leio-a tantas vezes, e no sitio menos improvavel ali estava ele. Curiosos os encontros com as palavras.

24/9/06 22:46  
Blogger Isabel said...

Muito bom vir aqui voltarei muito mais vezes...
Gosto das tuas visitas.

Beijinhos

Isabel

2/10/06 18:37  
Blogger Isabel said...

Mais uma vez obrigada pelas tuas visitas é sempre bom receber-te, e ver-te voltar...
eu tambem continuarei a vir aqui...

Isabel

6/10/06 18:33  
Anonymous Anónimo said...

Vc escreve com a leveza duma asa de andorinha e com a profundidade e a densidade dum exorcismo catolico.Deve ter já vivido muitas vidas! Adorei conhecer o seu cantinho...
Valeria Mendez

6/10/06 20:07  
Blogger Marco Martins said...

E a noite foi realmente linda no seu regresso? *

11/10/06 18:36  
Blogger Isabel said...

Voltei para te dizer que a Carolina tem mais uma história queres vir ler? Na minha casa és sempre bem vinda.

Um beijo.

Isabel

13/10/06 15:46  

Enviar um comentário

<< Home